O que é Employer Branding e qual a importância dele para sua empresa?
Publicado em outubro 30, 2019

O que é Employer Branding e qual a importância dele para sua empresa?

Imagine a seguinte situação: você fez um processo seletivo e escolheu o melhor candidato para a oportunidade em aberto na sua empresa. Na hora de informar para o profissional que ele foi selecionado para o cargo, ele diz que recebeu uma proposta “melhor” de emprego. Você se identificou?

Isso pode acontecer de vez em quando, mas se esta situação é frequente e a sua companhia tem uma taxa elevada de turnover, está na hora de melhorar o seu Employer Branding. Para ajudá-lo, vamos explicar o significado, a importância e como você pode implementá-lo na sua empresa. Confira!

O que significa Employer Branding?

Employer Branding quer dizer “marca empregadora”. Ele é o responsável pela reputação da sua empresa no mercado e apresenta a proposta de valor de uma empresa diante de seus clientes e do mercado através do olhar do seu colaborador.

Esta estratégia é uma excelente ferramenta para atrair os melhores talentos e ajudar o RH a ter mais força e ter mais opções na hora de escolher os melhores candidatos. Adotá-lo também ajuda a manter os melhores colaboradores e se destacar dos concorrentes. 

Qual é a importância desta estratégia?

Segundo a pesquisa da Michael Page, divulgada pela Great Place To Work (GPTW), os candidatos consideram 3 fatores antes de escolher qual será a melhor empresa para trabalhar: a remuneração, as funções do trabalho e a reputação da companhia.  

A pesquisa, realizada com mais de 4.500 candidatos, mostra que 6% deles usam as informações transmitidas durante o processo seletivo para decidir se aceitam o trabalho. Isso mostra que os profissionais procuram na internet as avaliações dos empregados sobre o dia a dia da empresa.

O Employer Branding é muito importante para manter ou gerar uma boa imagem, pois quando a sua companhia tem uma mensagem e imagem forte a ser transmitida, o seu time irá divulgar isso.

Outro benefício é a redução dos custos e duração do processo seletivo, porque fica mais fácil atrair pessoas qualificadas quando se é considerada uma boa empresa para trabalhar. Adotar essa estratégia também pode ajudar na percepção que os clientes e fornecedores têm da sua companhia.

Como implementar o Employer Branding na sua empresa?  

Você precisa saber que construir uma “marca empregadora” é um projeto de longo prazo que exige muito planejamento. Para ajudá-lo nesta tarefa, separamos 6 passos que vão te ajudar a implementar esta estratégia: 

  1. Defina o objetivo:

Como vimos anteriormente, esta estratégia pode ajudar o RH em vários objetivos como: atrair os melhores talentos e reter os colaboradores, por exemplo. O ideal é escolher um deles para fazer uma ação pontual de Employer Branding.

O segundo passo é planejar a estratégia que será utilizada. Nesta etapa, você deve definir a equipe e preparar os líderes que forem participar do projeto. Em seguida, defina a mensagem que a sua empresa deseja passar para os colaboradores. O ideal é a linguagem ser única para todos, sem diferença de cargos, o que promove maior engajamento. 

2.  Faça pesquisas com os colaboradores: 

Uma boa maneira de entender como o ambiente de trabalho está sendo avaliado é por meio de pesquisas. Certifique-se de que os colaboradores possam expressar quais fatores como: estilo de liderança, remuneração e auxílios educacionais são importantes para a permanência deles na empresa e/ou tornam as propostas dos concorrentes mais atraentes. 

3.  Comunique-se de maneira eficaz:

Prezar pela boa comunicação com os colaboradores e ouvir o que eles têm a dizer é fundamental para aumentar o engajamento. Use a intranet e/ou e-mail marketing para divulgar as informações sobre a empresa, a cultura organizacional e deixe um espaço para eles ficarem à vontade para se expressar. 

4.  Identifique o perfil profissional desejado:  

Saber identificar o perfil ideal para cada cargo da sua empresa é fundamental para recrutar, selecionar e reter os melhores talentos, aumentar a produtividade e a competitividade da companhia. Para atingir esse objetivo, você deve verificar quais são as necessidades da empresa e depois definir quais serão as habilidades e conhecimentos necessários para cada função. 

5. Atraia os melhores talentos: 

Quem deseja ter um time com os melhores talentos precisa ter um diferencial competitivo. Uma das maneiras de atingir esse objetivo é criar a sua Proposta de Valor ao Empregado (EVP). Ela é composta por um conjunto de benefícios, plano de carreira, remuneração e cultura organizacional oferecidos pela organização. Se você ainda não tem uma EVP, reúna as respostas dos colaboradores durante a pesquisa descrita no item 2 para verificar quais são os fatores mais importantes para os funcionários e busque maneiras de implementá-los. 

6.  Poste nas redes sociais: 

A área de Marketing ou o próprio RH podem ajudar nesse processo de criar uma “boa reputação da marca”. Uma dica é postar nas redes sociais sobre o dia a dia da empresa, eventos, depoimentos de funcionários, etc. Essa é uma boa forma de despertar o desejo das pessoas em querer trabalhar na sua organização. 

Concluindo…

Vimos que o Employer Branding é fundamental para criar uma boa reputação da marca, atrair e reter os melhores talentos. Ao definir um objetivo e entender quais são as reais necessidades dos seus colaboradores, fica muito mais fácil aumentar a produtividade da equipe e melhorar a competitividade.  

Gostou de conhecer e entender o conceito de “marca empregadora”? Então não deixe de ler o nosso artigo sobre as 5 maneiras de manter os funcionários motivados.

Categorias:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *